Biologia dos tecidos: Tecido Conjuntivo

O tecido conjuntivo apresenta funções tais como sustentação (graças aos vários tipos de matriz), nutrição e defesa (por conta dos vasos) e reparação (não regenera, cicatriza). É um tecido que apresenta pouca célula (porém vários tipos celulares) e muita matriz extracelular. É altamente vascularizado.

MATRIZ EXTRACELULAR

Fibras:

   -Colágeno: tripla hélice;

Colágeno

  • Escorbuto: ausência de vitamina C que atua na síntese de colágeno;
  • Osteogenesis (“ossos de vidro”): alterações na síntese de colágeno;

Colágeno tipo I: presente em maior quantidade, forma fibras colágenas verdadeiras e suporta forças de tensão;

Colágeno tipo III: constitui a estrutura de diversos órgãos, são fibrilas;

Colágeno tipo IV: forma a rede da lâmina basal;

 -Sistema elástico: promove elasticidade;

A elastina é hidrofóbica, resiliente e o adulto não produz.

  • Síndrome de Marfan: falta de elastina;

Amorfa:

A matriz amorfa é hidrofílica, gelatinosa (por possuir alta concentração de água) e é formada por substâncias como:

 -Glicosaminoglicanos: unidade dissacarídea (açucar), atrai água (dermatansulfato, condroitensulfato, heparansulfato e ácido hialurônico);

-Proteoglicanos: proteínas+glicosaminoglicanos (todos podem fazer associação com proteínas, exceto o ácido hialurônico);

 -Proteínas adesivas: ligam a célula à matriz (fibronectina e laminina);

 -Líquido intersticial: água, íons…;

 -Proteínas de membrana: integrina…;

O QUE REPRESENTA UM TECIDO CONJUNTIVO SAUDÁVEL? 

Um tecido conjuntivo saudável é aquele que possui dinâmica. A água sai do vaso por pressão hidrostática: os vasos são muito pequenos, assim, com a saída de água, eles ficam concentrados de células e albumina, fazendo com que a água volte para o vaso por pressão osmótica.

CÉLULAS

Célula mesenquimal: se apresenta em grande quantidade, é totipotente (pode se diferenciar em qualquer célula do tecido conjuntivo);

Fibroblasto: principal célula do tecido, sintetiza os elementos da matriz extracelular (faz colágeno, elastina…);

Fibrócito: “fibroblasto não ativo”;

Macrófago: grande célula fagocitária que fagocita agentes invasores, ou seja, realiza a defesa e é uma célula possuidora de antígeno. Podem ser fixos (chamados de histiocistos), móveis ou gigantes (vários macrófagos fusionados);

Plasmócito: defesa, sintetiza e secreta proteínas específicas: imunoglobulinas (anticorpos=proteínas). Para que ocorra a produção, é necessário um antígeno;

Mastócito: contém grânulos de histamina (vasodilatador para que ocorra passagem de elementos do vaso para o tecido conjuntivo), provoca edema (=inchaço, ou seja, excesso de água), coceira, dor e vermelhidão, caracterizando o processo alérgico.

CLASSIFICAÇÃO DO TECIDO CONJUNTIVO

Quando todos os elementos do tecido estão em equilíbrio: Tecido Conjuntivo Frouxo (localizado após o epitélio, nutre o tecido epitelial);

Quando possui muitas fibras: Tecido Conjuntivo Denso (resiste a forças de tensão) …

Ordenadas: Modelado

Não ordenadas: Não Modelado;

TECIDO ADIPOSO: UM TIPO DE TECIDO CONJUNTIVO

É a nossa reserva de energia e se apresenta de duas formas distintas:

Tecido Adiposo comum, amarelo ou unilocular:

  • Gordura “ruim”;
  • Apresenta muitas células mesenquimais;
  • Acumula lipídeos;
  • Apresenta septos de tecido conjuntivo comum que realiza suporte;
  • Muito vazcularizado e inervado;
  • Formado por adipócitos que podem aumentar em até 20 vezes seu tamanho e que nunca sofrem apoptose (morte celular);
  • No adulto, quase nunca os adipócitos sofrem mitose, apenas aumentam de tamanho;
  • Isolante térmico;
  • É considerado uma glândula/órgão endócrino (secreta leptina);
  • Pode ser subcutânea (mais presente na mulher) ou visceral (mais presente no homem);

*Leia o post sobre Obesidade!

Tecido Adiposo pardo, marrom ou multilocular:

  • Apresenta alta vascularização e grande quantidade de mitocôndrias que possuem termogenina que libera calor;
  • Geralmente presente em recém nascido;

Agradecimento Milene

 

Fonte:

  • Aulas da Professora Milene Galhardo – Universidade de Taubaté
Anúncios

Um comentário em “Biologia dos tecidos: Tecido Conjuntivo

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: