Zoologia dos Invertebrados Superiores II: Filo Mollusca- Classe Bivalvia

São animais, em maioria, sésseis com hábito escavador (infauna) ou fixo no substrato (epifauna). Apresentam como sinapomorfia uma concha com duas valvas, perda da rádula, modificações branquiais e são organismos comprimidos lateralmente. A cavidade do manto é maior, em resposta ao hábito escavador. Apresentam 1 par de sifão (um inalante e um exalante), tentáculos, que são estruturas sensoriais, variam entre ausentes e alongados. O pé muscular é espatulado, sendo também uma adaptação à escavação, é móvel e apresenta o músculo pró-trator e retrator.

Possuem 1 par de brânquias bipectinadas, filamentos branquiais com presença de cílios. Algumas brânquias podem ser lameladas, principalmente em organismos filtradores, pois é a forma de obtenção de alimento. São animais detritívoros em que o alimento entra pelo sifão inalante, cai no palpo labial e é digerido.

Têm como característica a presença de ocelos, tentáculos (=estruturas sensoriais) e, as espécies nadadoras, apresentam estatocistos.

Maioria dióica, realizam obrigatoriamente a fecundação externa e o desenvolvimento indireto com presença de trocófora (em maioria) e com o véliger diferenciado em gloquídeo, larva de hábito parasita, se fixa em peixes para vencer os movimentos naturais da água).

CONCHA

A concha dos bivalves é composta por 2 valvas articuladas dorsalmente, apresenta linhas de crescimento e umbo (=protoconcha presente em véliger). Suas camadas principais são:

1ª- Perióstraco: camada fina e pigmentada;

2ª- Calcárea: carbonato de cálcio, pode ser única ou dupla e lacunar ou prismática;

3ª- Nacarada/ Madre pérola;

A abertura da concha é realizada por ligamentos (músculo interno relaxa e externo contrai) e 1 ou 2 músculos transversais adutores que relaxam.

ESCAVAÇÃO

O tamanho do sifão inalante é, aproximadamente, o tanto que o animal é capaz de escavar. O processo de escavação inicia-se com a abertura das valvas da concha e a liberação de um jato d’água pelo sifão exalante. A valva se fecha, e os músculos pró-tratores projetam o pé muscular que, graças a um aumento da pressão sanguínea, tem seu tamanho aumentado e o ancora, puxando a concha para baixo.

 

Design sem nome

Fontes:

  • Zoologia dos Invertebrados- Ruppert e Barnes- 6ª edição;
  • Aulas do Professor Valter José Cobo.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: