Especial ENEM: Citologia, evolução, animais e vegetais

Ocupando cerca de 10% do conteúdo cobrado pelo ENEM, a citologia, um assunto tão vasto, vem cada vez mais se voltando para questões sobre metabolismo celular, organelas (com destaque para MITOCÔNDRIA) e divisão celular. Já a evolução, representada por cerca de 5%, é cobrada desde a primeira edição do Exame Nacional do Ensino Médio de forma mais ampla, com questões sobre as principais teorias evolutivas, mutações e seleção de bactérias resistentes. Quanto a biologia animal, que ocupa aproximadamente 5% das provas, podemos dizer que sempre está relacionada com outras áreas, tais como ecologia e doenças. E, em relação à botânica (aproximadamente 8%) os itens mais cobrados são fotossíntese, sementes, frutos, aspectos evolutivos e adaptações ao ambiente terrestre.

Acesse os posts de citologia do blog na aba “citologia

Acesse os posts de evolução do blog na aba “evolução e origem da vida

Acesse os posts de biologia animal do blog na aba “biologia animal

Acesse os posts de botânica do blog na aba “botânica

 

1- (ENEM) As proteínas de uma célula eucariótica possuem peptídeos sinais, que são sequências de aminoácidos responsáveis pelo seu endereçamento para as diferentes organelas, de acordo com suas funções. Um pesquisador desenvolveu uma nanopartícula capaz de carregar proteínas para dentro de tipos celulares específicos. Agora ele quer saber se uma nanopartícula carregada com uma proteína bloqueadora do ciclo de Krebs in vitro é capaz de exercer sua atividade em uma célula cancerosa, podendo cortar o aporte energético e destruir essas células.

Ao escolher essa proteína bloqueadora para carregar as nanopartículas, o pesquisador deve levar em conta um peptídeo sinal de endereçamento para qual organela?

a) Núcleo

b) Mitocôndria

c) Peroxissomo

d) Complexo golgiense

e) Retículo endoplasmático

Resolução: a organela responsável por realizar o Ciclo de Krebs é a mitocôndria, logo, é a organela em questão.

2- (ENEM) Apesar da grande diversidade biológica, a hipótese de que a vida na Terra tenha tido uma única origem comum é aceita pela comunidade científica. Uma evidencia que apoia essa hipótese é a observação de processos biológicos comuns a todos os seres vivos atualmente existentes.

Um exemplo de tal processo é o(a)

a) desenvolvimento embrionário

b) reprodução sexuada

c) respiração aeróbica

d) excreção urinária

e) síntese proteíca

Resolução: todos os seres vivos existentes, independentemente de sua complexidade, realizam a síntese proteica por meio dos ribossomos.

3- (ENEM) Embora seja um conceito fundamental para a biologia, o termo “evolução” pode adquirir dignificados diferentes do senso comum. A ideia de que a espécie humana é o ápice do processo evolutivo é amplamente difundida, mas não é compartilhada por muitos cientistas.

Para esses cientistas, a compreensão do processo citado baseia-se na ideia de que os seres vivos, ao longo do tempo, passam por:

a) modificação de características

b) incremento no tamanho corporal

c) complexificação de seus sistemas

d) melhoria de processos e estruturas

e) especialização para uma determinada finalidade

Resolução: os organismos passam por modificações de características, que não necessariamente os tornam mais complexos, mais especializados, maiores ou melhores que outro ser vivo.

4- (ENEM) A formação de coágulos sanguíneos em veias e artérias é um dos fatores responsáveis pela ocorrência de doenças cardiovasculares, como varizes, infarto e acidentes vasculares cerebrais. A prevenção e o tratamento dessas doenças podem ser feitos com drogas anticoagulantes. A indústria farmacêutica estimula a pesquisa de toxinas animais com essa propriedade.

Considerando as adaptações relacionadas aos hábitos alimentares, os animais adequados ao propósito dessas pesquisas são os(as)

a) moluscos fitófagos

b) moscas saprófagas

c) pássaros carnívoros

d) morcegos grugívoros

e) mosquitos hematófagos

Resolução: dentre as alternativas apresentadas, o único que se alimenta de sangue são os mosquitos hematófagos.

5- (ENEM) A figura ilustra o movimento da seiva xilêmica em uma planta.

75

Mesmo que essa planta viesse a sofrer ação contínua do vento e sua copa crescesse voltada para baixo, essa seiva continuaria naturalmente seu percurso.

O que garante o transporte dessa seiva é a

a) gutação

b) gravidade

c) respiração

d) fotossíntese

e) transpiração

Resolução: a água, ao ser eliminada pela transpiração, provoca uma diferença de pressão osmótica que promove o movimento da água no interior do xilema.

Fontes:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: